top of page
  • Foto do escritorRedação Europa

CPTT: Nuno Matos feliz após a Baja TT Norte de Portugal

CPTT: Nuno Matos feliz após a Baja TT Norte de Portugal

O Amarok Proto, o novo projeto de Nuno Matos, mostrou, este fim-de-semana, na Baja TT Norte de Portugal, que a equipa pode sonhar com voos mais altos na categoria T3 e no Campeonato de Portugal de Todo-o-Terreno (CPTT).


Em Trás-os-Montes, Nuno Matos e Ricardo Claro terminaram a prova no 6º lugar entre os que estavam inscritos na categoria T3, e ainda comemorou um excelente 10º lugar na classificação geral, uma prestação que superou as melhores expetativas da equipa e deu sinais claros da evolução do Amarok Proto, que revelou uma enorme fiabilidade desde o primeiro ao último quilómetro da competição.


As boas sensações começaram logo no sábado, com a equipa a terminar em 4º na categoria T3 e em 8º na geral. Já no domingo, nos derradeiros 110 quilómetros da competição, uma nota mal desenhada no roadbook fez a equipa perder algum tempo e cair dois lugares na classificação. 


“Foi uma prova quase perfeita e o nosso Amarok Proto esteve irrepreensível. Temos consciência do trabalho que temos feito, mas tendo em conta em juventude deste projeto havia obviamente algum receio de não conseguir terminar, principalmente devido à exigência do percurso e ao nível elevadíssimo deste CPTT. Estamos por isso muito felizes com este resultado e, acima de tudo, por termos feito mais de 300 quilómetros sem qualquer incidente”, relatou Nuno Matos.

Sem poupar elogios ao “excelente trabalho” de Ricardo Claro e de toda a equipa, Nuno Matos mostrou-se “surpreendido, mas orgulhoso” pela performance e espera que esta tenha sido “a primeira de muitas conquistas”.


Agradecendo mais uma vez o apoio e confiança de todos os parceiros e patrocinadores, o piloto deixou a promessa de continuar a trabalhar para voltar em força já na Baja TT Sharish Reguengos/Mourão/Redondo, que está marcada para o mês de setembro.

Comments


300.250.png
Pottenza Global Consulting
bottom of page