top of page
  • Foto do escritorRedação Europa

Polestar e StoreDot conseguem carregar com sucesso um protótipo do Polestar 5 de 10 a 80% em 10 minutos

Polestar e StoreDot conseguem carregar com sucesso um protótipo do Polestar 5 de 10 a 80% em 10 minutos

A Polestar e a StoreDot, pioneira em baterias de carregamento rápido, demonstraram com sucesso a implementação da tecnologia Extreme Fast Charging (XFC) da StoreDot pela primeira vez num automóvel, tendo carregado um protótipo do Polestar 5 de 10 a 80% em apenas 10 minutos. O protótipo registou uma taxa de carga consistente, começando em 310 kW e subindo até um pico superior a 370 kW no final do carregamento. 


Esta demonstração, pioneira a nível mundial, de um carregamento extremamente rápido de 10 minutos de 10-80% utilizando células de silício - em vez de células individuais num ambiente de laboratório – o conjunto de baterias de 77 kWh, que tem potencial para ser aumentado para, pelo menos, 100 kWh - poderia acrescentar 320 km de autonomia a um automóvel elétrico de média dimensão em 10 minutos. 


Este teste XFC realizado pelos engenheiros de baterias da Polestar e da StoreDot foi concebido para demonstrar que esta tecnologia de baterias XFC poderá ser aplicada a futuros veículos Polestar. 


Thomas Ingenlath, CEO da Polestar, afirma: "O tempo é um dos maiores luxos da vida e, como fabricante de automóveis elétricos de luxo, temos de dar o próximo passo para resolver um dos maiores obstáculos à aquisição de veículos elétricos - a ansiedade do carregamento. Com esta nova tecnologia, nas viagens mais longas, quando os condutores pararem, poderão passar a voltar à estrada mais rapidamente do que nunca. De facto, esse tempo de paragem será mais semelhante ao que se passa atualmente com um modelo a gasolina".

A tecnologia revolucionária XFC da StoreDot utiliza células dominantes de silício com uma densidade de energia equivalente à das células NMC de última geração e não requer sistemas de refrigeração especializados no veículo. Os módulos experimentais da bateria XFC têm uma função estrutural que melhora as propriedades mecânicas e a capacidade de arrefecimento, mantendo ou reduzindo os níveis de peso, com uma elevada capacidade de reciclagem e de manutenção que também é fundamental na conceção do conjunto.


Nas atuais baterias de veículos elétricos, as taxas de carregamento rápido podem variar muito, dependendo do estado de carga da bateria (SOC), caindo por vezes significativamente à medida que o SOC aumenta. Durante este teste, a Polestar registou um aumento da velocidade de carregamento de 310 kW a 10% do SOC para mais de 370 kW a 80% do SOC, comprovando a taxa de carregamento estável da tecnologia, sem alterações significativas na velocidade de carregamento ou na eficiência, sempre que um condutor decide parar dentro deste intervalo amplo. 



É importante salientar que o teste prova que a tecnologia XFC funciona com a atual infraestrutura de carregamento DC, que continua a apresentar mais carregadores DC de elevada potência de 350 kW ou superiores.


Isto significa que os condutores poderão passar menos tempo parados para carregar o seu veículo, o que, para uma carga de 10-80% em muitos VEs modernos, pode ainda demorar cerca de 30 minutos. Ao reduzir esse tempo para 10 minutos, o tempo de carregamento de um veículo com a tecnologia XFC é muito parecido do que acontece ao abastecer um automóvel a gasolina. E graças às velocidades de carregamento consistentes oferecidas, com um carregador adequado, os consumidores podem parar durante cinco minutos a 50% SOC e continuar a sua viagem com mais de 80% SOC.


Dr. Doron Myersdorf, CEO da StoreDot, comenta: "Estamos muito entusiasmados por partilhar hoje este feito impressionante e orgulhosos por estarmos nesta viagem em conjunto com a Polestar. O compromisso da Polestar em reconhecer que a tecnologia de carregamento extremamente rápido é necessária para tornar a adoção generalizada de automóveis elétricos é uma realidade. Este avanço revoluciona o estado atual ao erradicar de uma vez por todas a barreira da autonomia e da ansiedade do carregamento, uma vez que os condutores poderão percorrer longas distâncias com a mesma liberdade e comodidade que os veículos tradicionais movidos a combustíveis fósseis".

Um filme que mostra o procedimento deste ensaio pode ser visto em: https://www.polestar.com/global/news/how-we-charged-a-polestar-in-10-minutes/

Comments


300.250.png
Pottenza Global Consulting
bottom of page